Dirigir ou dirijir

A forma correta é dirigir.

A forma correta de escrita da palavra é dirigir. A grafia dirijir está incorreta e não deve ser utilizada na língua portuguesa.

Dirigir

Dirigir é uma palavra classificada morfologicamente como um verbo. É um verbo muito utilizado na português corrente e pode designar o ato de: fazer algo ou alguém chegar ao lugar de destino, encaminhar; guiar um veículo; administrar, comandar ou governar algo; falar, dizer ou conversar.

Exemplos com dirigir

  • Eu o dirigi até o sucesso.
  • Vou dirigir-lhes até o portão de entrada.
  • Amanhã vou começar aprender a dirigir.
  • Ele é quem dirige a empresa da família.
  • Ela não me dirigiu a palavra em nenhum momento.

O verbo dirigir é escrito com a letra g, entretanto algumas de suas flexões são escritas com a letra j. São elas: 1ª pessoa do singular do tempo presente no modo indicativo (eu dirijo); todas as pessoas do presente do subjuntivo e todas as formas do imperativo negativo.

Dirigir – presente do subjuntivo

(que eu) dirija
(que tu) dirijas
(que ele) dirija
(que nós) dirijamos
(que vós) dirijais
(que eles) dirijam

Exemplos
  • Ele quer que eu dirija a viagem toda.
  • Tomara que ele dirija para que possamos descansar.

Dirigir – imperativo negativo

(não) dirijas (tu)
(não) dirija (você)
(não) dirijamos(nós)
(não) dirijais(vós)
(não) dirijam(vocês)

Exemplos
  • Quero que tu não dirijas!
  • Espero que você não dirija pois sei que não tem habilitação.

Veja outras palavras que também geram dúvidas entre o uso de g e j: age ou aje, ageitar ou ajeitar, fingir ou finjir, ageitar ou ajeitar, tigela ou tijela.